Palestra para Casais

Palestra para casais. Participe! Dia 14 / 06 /2014            Ligue: (11) 2771-8270            Buffet, Teatro, Palestra, brinquedos para crianças, valor casal sem criança: R$ 70,00 Valor com Criança: 20,00 por cada criança acima de 6 anos.           

quarta-feira, 23 de abril de 2014

AMIZADES PERFEITAS ENTRE PESSOAS IMPERFEITAS


Alguém me contou uma estória que me deixou pensativo.

Começa assim:
Uma amiga muito chateada com a outra, desabafou seus ressentimentos e isso tomou um rumo inesperado. Por se sentir tão ofendida e magoada, aquela amiga passou mal, foi parar no hospital. Passando o tempo a amiga, a que ofendeu, se arrependeu de ter falado palavras tão duras e foi pedir desculpas, pois realmente eram amigas. Mas ao receber a visita, aquela amiga ofendida, levantou, tomou um travesseiro e rasgando-o lançou as suas penas pela janela e disse: "assim é uma amizade, quando lançada ao vento nunca poderá ser reconstruída novamente"
Fiquei pensando: Será assim mesmo?
Será que Uma amizade Verdadeira é aquela que nunca somos ofendidos e não há atritos? 
Ou uma amizade quando sofre e encontra perdão e compreensão se torma mais forte?
Afinal o que é uma amizade? 
Perfeição de relacionamento?
Procuramos perfeição em pessoas imperfeitas?
Então não seremos amigos de ninguém, nem de nós mesmos, pois somos imperfeitos.
Somos ofendidos?
Mas não ofendemos também?
Somos Machucados por palavras?
Mas quantas vezes já machucamos também?  Até aquelas pessoas que mais amamos nós machucamos.
Analisando friamente essa estória, vemos Primeiro: uma pessoa que tinha ressentimentos guardados em sus coração.
E por que os tinha ?  
Porque era imperfeita.  Não soube perdoar no tempo em que foi ofendida e guardou lixo no coração. E lixo azeda e um dia esse azedume contamina até a alma. Agora pense bem: Se ela tinha ressentimentos da amiga é porque essa amiga já a havia ofendido, detratado, causado dor ou constrangimento. Mesmo que isso não justifique uma  vingança; como jogar na cara de uma amiga a sua amargura. O fato é que ela estava errada por trocar o mal pelo mal. Mas por que ela fez isso? A resposta é simples:" era um ser humano, e como tal, imperfeito.
Segundo: A amiga que passou mal, talvez não compreendeu que uma pessoa que machuca é porque já foi machucada. ( Talvez se pensássemos assim perdoaríamos mais ). As vezes uma palavra dói mais do que um tapa na cara. Mas também ela não soube lidar com as criticas, e muito menos perdoar. E por que não perdoou? Porque também era uma pessoa imperfeita querendo uma amizade perfeita, sem apontamentos ou enfrentamentos. Mas isso é falso. Pois as grandes conquistas vem com lutas, desafios e muita dor, assim como as grandes e verdadeiras amizades passam pelo crivo da dor, e decepções. Somos carentes de verdadeiras amigos, mas pra ser amigo temos que lidar com o ser que é, não com o ser que imaginamos que seja, e pra isso nos teremos que nos envolver com pessoas imperfeitas, com caráter fraco,( por isso mentirão para seus amigos) personalidades egoístas, (Alguns querem dominar, monopolizando a amizade ) descontroles e distúrbios. Só assim, conhecendo e aceitando defeitos poderemos construir uma amizade real sem máscaras. Precisamos aceitar limites e as vezes ter nossos próprios limites desrespeitados.  Mas ainda assim acreditar que tudo isso vale a pena quando entendemos que haja o que houver seremos melhores amigos depois de superá-los todos ou pelo menos tentar.
Terceiro: A figura de um Travesseiro também é imperfeita, não só o travesseiro mas qualquer outro objeto não serve, pois amizade fala de sentimentos e nunca uma coisa fria sem vida pode representar o que só um coração amoroso, companheiro, compreensivo e perdoador pode oferecer.
Enfim, essa estória não faz sentido nenhum. Não podemos recolher penas depois de lançadas ao vento ou cacos com palavras, mas podemos acolher amigos que erram conosco com uma PALAVRA de amor e eterna: "Sim, eu perdoo.

Termino com um pensamento: Só teremos amizades perfeitas quando enxergarmos nossas próprias imperfeições.